Investimentos em energia solar crescem exponencialmente



O consumo de energia cresce mundialmente e cada vez mais a geração de energia por meio de placas solares fotovoltaicas se torna uma alternativa melhor para geração de energia elétrica, popularizando-se, ganhando espaço em investimentos no mundo todo. As fontes de energia renovável, como é o caso da energia fotovoltaica, são extremamente vantajosas pois não agridem o meio ambiente, são inesgotáveis e proporcionam a redução das despesas com energia elétrica.

Além disso, o custo de fabricação de painéis solares caiu drasticamente na última década, tornando-os não apenas acessíveis, como também, a forma mais barata de gerar eletricidade. Segundo o mais recente relatório da Agência Internacional de Energia (IEA), no ano de 2018, a capacidade total instalada de energia fotovoltaica ultrapassou a marca de 500 GW, ou meio TW.

 

Este ano houve uma contração nos investimentos do mercado fotovoltaico chinês, de 53,0, em 2017, para 45,0 GW, em 2018. Ainda assim, a China é o país que mais investiu em energia solar, seguida da Índia com 10,8 GW, Estados Unidos com 10,6 GW, Japão 6,5GW e Austrália 3,8GW. Entre os países que lideram o mundo em potência acumulada, classificam-se a China com 176,1 GW, seguida dos Estados Unidos com 62,2 GW, Japão com 56,0 GW, Alemanha com 45,4 GW e Índia com 32,9 GW.

Ainda, um relatório da Agência Internacional para Energias Renováveis (IRENA), constatou que o setor de fontes renováveis empregou pelo menos 11 milhões de pessoas, direta e indiretamente, no ano de 2018 em todo o mundo, contra 10,3 milhões do ano anterior. A mais recente edição da pesquisa anual, apontou que à medida que os países fabricam, comercializam e instalam tecnologias de energia renovável, os empregos atingem seu ponto mais alto.

Entre as fontes renováveis, a energia solar fotovoltaica segue na liderança da empregabilidade, à frente de outras fontes renováveis, respondendo por um terço do fluxo de trabalho do setor. Em 2018, os postos de trabalho expandiram-se na Índia, Sudeste Asiático e Brasil, enquanto China, Estados Unidos, Japão e União Europeia perderam força.

Ainda assim, a Ásia recebeu mais de 3 milhões de empregos fotovoltaicos, ou quase nove décimos do total global. Porém, os perfis comerciais dos países variam de acordo com a tecnologia de energia renovável. Enquanto a China é o maior exportador no campo da energia solar fotovoltaica, as empresas de energia eólica atendem principalmente o mercado interno.

O Brasil também avança nos investimentos fotovoltaicos. Segundo o infográfico apresentado pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), a fonte solar fotovoltaica centralizada possui 2,269 MW de capacidade instalada, representando 1,3% da Matriz Elétrica Brasileira, ultrapassando, por exemplo, a energia nuclear.

Na modalidade Geração distribuída, a fonte solar fotovoltaica possui 125.609 unidades consumidoras, totalizando cerca de 1.493,5 MW de potência instalada. A soma das modalidades “geração centralizada” e “micro e mini geração distribuída” é a potência operacional total da fotovoltaica no Brasil, com 3.762,8 MW instalados. 

Dentre os estados que se destacam pelo maior número de unidades consumidoras com micro e mini geração distribuída estão Minas Gerais, com 305,3 MW de potência instalada, o que corresponde a cerca de 20,4%, seguido de Rio Grande do Sul, com 207,8 MW, São Paulo, com 176,9 MW, Paraná, com 162,9 MW e Mato Grosso, com 109,3 MW de potência acumuladas. Já os estados de Amazonas, Rondônia, Amapá,  Acre e Roraima estão na lanterna da geração própria, com 4,2MW, 3,1MW, 2,2MW, 1,5MWe 0,8MW respectivamente.

Já entre os municípios brasileiros que mais investem em energia solar, se destacam Brasília, com 18,4 MW de potência instalada, seguida de Rio de Janeiro com 18,1 MW, Uberlândia, com 16,7 MW, Fortaleza, com 16,5 MW e Cuiabá, com 16 MW.

A energia solar fotovoltaica é a forma de energia renovável que mais cresce em nível mundial e tornou-se a forma mais barata de energia. Com a queda nos preços dos equipamentos e o aumento nas tarifas da conta de energia, não faltam motivos para investir na energia solar fotovoltaica. A Cenergel atua em projetos que contribuem para o desenvolvimento sustentável por meio da eficiência na produção e no uso da energia. Nós projetamos, homologamos e instalamos seu sistema fotovoltaico. Atendemos aos diferentes tipos de mercado, conheça o sistema fotovoltaico!

<Postagem Anterior
Próxima Postagem>